Como a formação de mulheres ao exercício da liderança pode contribuir para o desenvolvimento sustentável

Workshop com Gisèle Szczyglak, PhD e expert francesa em Liderança e Mentoria, teve como foco o tema da liderança sob a perspectiva da diversidade e igualdade entre mulheres e homens. Iniciativa integra a agenda de comemorações dos 120 anos da CCIFB, e contou com apoio de empresas francesas, Embaixada da França, ONU Mulheres Brasil, Open Mentoring Network e WLC Partners

 

 

Norteada pelas diferentes experiências de França e Brasil no âmbito da diversidade, no mês do Dia Internacional das Mulheres, a Câmara de Comércio França-Brasil do Rio de Janeiro realizou workshop sob a temática da liderança de mulheres, conduzido nos dias 12 e 13 de março pela doutora em filosofia política, empreendedora e especialista em Liderança e Mentoria, a francesa Gisèle Szczyglak.

A ação teve como objetivo sensibilizar mulheres e homens quanto ao desenvolvimento de lideranças inclusivas, funcionando como alavanca para maior criatividade, inovação e performance. A iniciativa foi resultado da parceria com as empresas francesas instaladas no país, ENGIE, Michelin, VINCI Energies e Voltalia, e apoio da Embaixada da França no Brasil, ONU Mulheres Brasil – dentro do Programa Ganha-Ganha: Igualdade de Gênero significa bons negócios -, Open Mentoring Network e WLC Partners.

O primeiro dia de formação dedicou-se ao tema da liderança de mulheres, competências e atitudes necessárias a seu exercício. A abertura institucional do encontro contou com representantes da CCI França-Brasil, Embaixada da França e ONU Mulheres. “Hoje podemos celebrar importantes contribuições e realizações de mulheres em todo o mundo. Mas não devemos esquecer o papel crucial que cada um de nós desempenha no incentivo à igualdade de oportunidades para todas as mulheres. Devemos permitir que as mulheres alcancem todo o seu potencial para garantir que a próxima geração de líderes possa enfrentar os desafios da diversidade”, destacou Roberta Lara Fernandes, chefe para tecnologia na América Latina e Gerente do Escritório do Rio de Janeiro da Business France, que representou a Embaixada da França na abertura do evento ao lado de Jaqueline Saad, diretora-executiva da Câmara do Rio de Janeiro, e Tayna Leite, consultora dos WEPs (sigla em inglês para Princípios de Empoderamento das Mulheres) da ONU Mulheres.

Com o público formado por mulheres, o treinamento do dia 12 de março abordou tópicos relativos a situações e exercícios pontuais de liderança, como passar para o modo de líder e de que forma é possível se afirmar como mulher e líder. Dinâmicas de interação, trocas de experiências e boas práticas, assim como desafios e oportunidades, complementaram o aporte de conteúdo das participantes.

Painel de empresas e grupos de trabalho

O segundo dia de formação reuniu o público de mulheres e homens, que se dedicou a pensar em propostas de promoção da diversidade nas organizações, construídas em conjunto a partir do mapeamento de oportunidades de ações concretas. O treinamento ainda contou com um painel de debate formado por representantes de empresas francesas. Erika Zoeller, Consultora Sênior de Diversidade e Cultura da ENGIE Brasil; Ruy Ferreira, Diretor Comercial da Michelin; Brunno Ferreira, Diretor de Recursos Humanos da VINCI Energies; e Vanessa Dasinger, Gerente de Recursos Humanos da Voltalia; apresentaram propostas, ações e desafios das empresas no contexto da diversidade e liderança de mulheres.

Para os trabalhos em grupo, os temas liderança, responsabilidade social empresarial e sustentabilidade, economia e inovação, e sinergias para ações em comum, guiaram as discussões dos participantes, divididos por mesas temáticas. Após dinâmicas e interações, os grupos elegeram representantes para apresentar as propostas de ação definidas em conjunto. “Trabalhamos juntos a partir de áreas temáticas com grupos mistos focados na troca de ideias e geração de planos de ação que contribuam para fazer avançar os temas propostos em suas respectivas organizações”, explicou Gisèle Szczyglak, facilitadora do workshop.

A diretora-executiva da CCI França-Brasil no Rio de Janeiro, Jaqueline Saad, encerrou o workshop ressaltando o potencial colaborativo de nossas empresas associadas e parceiros institucionais. “A quantidade e qualidade de propostas concretas formalizadas ao longo desses dois dias de trabalho – por profissionais atuando nas mais diversas funções e setores – tangibilizaram a força e eficiência coletiva de nossas redes para co-construir soluções a desafios comuns e transversais, tendo a diversidade e a inclusão como catalisadores. Juntamente com as empresas e instituições parceiras dessa iniciativa, trabalharemos nos desdobramentos desta ação, que representa um marco para nossa Câmara”, concluiu Jaqueline.

VINCI Energies torna-se signatária dos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs)

No encerramento do workshop Diversidade e Liderança: rumo ao impacto positivo França-Brasil, Jean-Michel Lang, Diretor-Presidente da VINCI Energies no Brasil, assinou o termo de adesão aos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs) – iniciativa conduzida pela a ONU Mulheres e o Pacto Global – formalizando o compromisso da empresa na construção de ações em prol da igualdade de gênero. “Ao assinar os WEPs, estamos engajando nossa organização de forma definitiva em uma nova rota e que este ato deve acelerar a mudança de cultura necessária para atingirmos nossos resultados”, destacou Lang.

No Brasil, mais de 300 empresas são signatárias dos WEPs, sendo que as empresas francesas destacam-se nessa adesão. “Os WEPs reúnem ações que guiam as empresas no desenvolvimento e condução de planos na perspectiva da promoção da igualdade de gênero. Acompanhamos e orientamos esse trabalho”, explicou Adriana Carvalho, Gerente para os Princípios de Empoderamento Econômico da ONU Mulheres.

 

CCI França-Brasil : Responsabilidade Social Empresarial e Sustentabilidade

Para o presidente da Câmara de Comércio França-Brasil no Rio de Janeiro, Nour Bouhassoun, um dos objetivos da Câmara na promoção de ações como a do workshop, é agregar frentes que possam interagir e promover a diversidade na liderança, especialmente na promoção do potencial de mulheres líderes.

“A Câmara de Comércio França-Brasil fomenta, entre outras ações, a interação de atores-chave dos setores produtivo e institucional em prol de iniciativas coletivas de impacto positivo para as empresas e a sociedade. Com a realização desse workshop, geramos valor tanto para as áreas de recursos humanos das empresas – possibilitando aportes de excelência em termos de competências específicas para o exercício da liderança – quanto para a dimensão RSE, focada na abordagem da liderança diversa e inclusiva em prol do desenvolvimento sustentável. Essas são algumas das temáticas de nossa atuação, que queremos destacar neste ano em que a Câmara completa 120 anos de fundação no Brasil”, ressalta Bouhassoun.

Nos últimos anos, a CCI França-Brasil, em parceria com suas empresas associadas, tem se destacado em ações para promoção da igualdade de mulheres e homens nas empresas, assim como seus impactos em suas cadeias de valor. Nesse contexto, uma sólida parceria foi construída com a ONU Mulheres Brasil no âmbito dos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs) – compromisso assinado por líderes de inúmeras empresas francesas no Brasil – e Programa Ganha-Ganha: Igualdade de Gênero significa Bons Negócios, iniciativa que visa a promoção de negócios sensíveis ao gênero entre países latino-americanos e europeus. Em dezembro de 2019, a Câmara francesa foi uma das entidades apoiadoras do I Fórum WEPs Rio de Janeiro.

 

Acesse nossa galeria completa de imagens.

^