Innovation & Tech Day: Evento discute estratégias de transformação digital, KPIs da inovação 4.0 e premia startups

Na busca pela constante inovação e satisfação do cliente, empresas  enfrentam diariamente um desafio de se reinventar. Nesse contexto, a aproximação com startups é um oportunidade. 

Para discutir sobre o tema, a Câmara de Comércio França Brasil São Paulo (CCIFB-SP) em parceria com a Business France, realizou no dia 26 de novembro o Innovation & Tech Day.  O evento, parte do São Paulo Tech Week, foi realizado no espaço Cubo e reuniu mais de 300 convidados, além de startups francesas e brasileiras.

Durante o evento, também foi entregue o Prêmio Startup. O prêmio da CCIFB-SP em parceria com a Business France visa ampliar a troca de experiências entre as empresas brasileiras e o ecossistema de inovação francês.

Executivos da CCIFB e da Business France discutem relação franco-brasileira durante Innovation & Tech Day

Durante o evento, o diretor Brasil e América Latina da Business France, Richard Gomes, falou sobre a relação franco-brasileira. Segundo o executivo, essa relação é forte, histórica e ainda tem muito a se desenvolver. Ainda segundo o diretor Brasil e América Latina da Business France, a França lidera o investimento estrangeiro direto no Brasil.

O evento também contou com a presença da presidente da Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB), Sandrine Ferdane. Durante a ocasião, Sandrine destacou que a inovação aberta está no centro do avanço das organizações. 

Segundo a presidente da CCIFB, esse tipo de inovação é uma questão de cultura que deve ser trabalhada para que empresas consigam se adaptar e aprender a estreitar relações com as startups.

Ainda segundo Sandrine, o Brasil é um país que atrai investimentos. “Além de possuir um vasto território, o Brasil necessita de infraestrutura em diversos setores para se desenvolver”, ressaltou Sandrine.

“Há uma consistência no interesse das empresas francesas em investir no Brasil nos próximos anos”, concluiu a presidente da CCIFB. 

Palestrantes indicam as 5 características da era digital durante evento da CCIFB-SP

O Innovation & Tech Day foi um dia de muito aprendizado e networking. Empresários e executivos discutiram sobre como a transformação digital impacta as empresas. Além disso, os palestrantes convidados discutiram sobre como a aproximação entre organizações e startups pode alavancar os negócios.

Dentre as inúmeras apresentações, Frédéric Donier, CEO da Crescendo Consultoria, destacou cinco mudanças que retratam a evolução da era digital:

  1. Decisões são baseadas em dados; 
  2. Projetos piloto são a principal maneira de realizar investimentos e testes de produtos; 
  3. É essencial compreender a “dor do consumidor”;
  4. Erros são valorizados e parte do processo;
  5.  O objetivo é o MVP (produto minimamente viável) e não o produto final.

No Innovation & Tech Day, executivos destacam os principais KPIs da inovação 4.0 

O Innovation & Tech Day contou ainda com um debate questionando se as empresas realmente estão preparadas para o business do futuro. 

Laurent Serafini, vice-coordenador da comissão de startups da CCIFB-SP, compartilhou as boas práticas e os desafios enfrentados por startups que desenvolvem projetos de transformação e impacto social positivo por meio de tecnologias com propósitos, o chamado “Tech for Good”.

Quando questionados sobre os KPIs de inovação, os empresários foram unânimes e destacaram os seguintes itens:

  1. Quantidade de parcerias realizadas com o mercado;
  2. Tempo médio de inovação; 
  3. Quantidade de startups conectadas; 
  4. Quantidade de eventos realizados com clientes; 
  5. Quantidade de novas patentes;
  6. Quantas das inovações foram para teste no mercado.

Empresários revelam os segredos das grandes marcas em um momento de transformação digital 

Diretores e executivos de empresas associadas à CCIFB e fundadores de startups revelaram as estratégias utilizadas em suas respectivas empresas na jornada da transformação digital.

Marga Diniz, responsável pela Transformação Organizacional e Comunicação Corporativa da Saint-Gobain, explicou que o desafio mais importante é a transformação da cultura organizacional. 

“Desenvolver a jornada do cliente, identificando as lacunas para depois se plugar com as startups é o caminho que escolhemos na Saint-Gobain e que deu certo. O investimento deve ser feito em projetos que criem mais valor para os clientes e que testem novos modelos de negócios”, concluiu.

Para o Gerente de Desenvolvimento da Edenred, Charles Boussion, conectar-se com diferentes players é fundamental para inovar. Segundo o executivo, se a cultura da empresa não estiver pronta para a transformação, a aproximação com a startup não vai dar certo. 

“O impacto na cultura da empresa é grande e precisa ser trabalhado de forma efetiva para que as novas ideias sejam alavancadas. Outro desafio é encontrar uma startup que esteja em sinergia com o negócio da empresa. Por isso, entender e identificar os objetivos e dores antes pode fazer toda a diferença”, explicou Boussion.

Marin Mignot, COO da Ingenico Group, ressaltou a importância das empresas compreenderem que tipo de inovação elas precisam para determinada área. “É preciso entender se a inovação que a empresa precisa é incremental ou disruptiva. Criar um sistema para conhecer startups e fintechs que estejam alinhadas ao negócios é um bom caminho”, afirmou Marin.

Diego Arruda, Co-Fundador e CMO da startup GreenBond, revelou que a empresa, voltada para captação de recursos para projetos de conservação ambiental, conseguiu atingir seus objetivos quando transformou a forma de comunicar e de apresentar a relevância das ações de sustentabilidade para as empresas. 

Já o Fundador e CEO da startup Piipee, Ezequiel Vedana da Rosa, explicou que é preciso mudar o mindset das empresas que focam apenas no financeiro. 

Também deram seus depoimentos: André Fonseca, Partner Consulting & Data Brazil da Artefact; Gabriel Berti, Gerente de Portfolio and Alliance da ATOS; Guilherme Silva, IT Business Relationship Manager da Pernod Ricard; Paolo Compagnon, responsável pela Estratégia e Inovação na Servier e Wellington Rodrigues, Diretor LATAM Marketing e Estratégia da Thales Group.

Prêmio Startup conta com presença do cônsul geral da França no Brasil

O Innovation & Tech Day foi encerrado com a entrega do Prêmio Startup. A premiação contou com a ilustre presença de Brieuc Pont, cônsul geral da França no Brasil. 

Segundo o cônsul, a premiação endossa a força das relações econômicas e culturais franco-brasileiras. 

Além disso, o cônsul afirmou que a França já faz parte do dia a dia dos brasileiros por meio de produtos e serviços desenvolvidos por empresas francesas  instaladas no Brasil.

Pont destacou ainda que a França é o primeiro e maior empregador estrangeiro no país

Confira os ganhadores do Prêmio Startup 2019

A vencedora do Prêmio Startup 2019 foi a startup brasileira Laura, o primeiro robô cognitivo gerenciador de riscos do mundo.

O software lê as informações dos pacientes e emite alertas à equipe médica com o objetivo de sinalizar o quadro de pacientes com riscos de infecção generalizada, além de alertar com antecedência outros casos de deterioração clínica. Atualmente, o robô já ajuda a salvar dez vidas por dia e opera em seis hospitais.

A startup brasileira ganhou passagem de ida e volta para Paris, incubação na Paris&Co durante 1 mês, uma semana no Le Village by Crédit Agricole e bolsa integral de estudos de 1 semestre no curso regular de francês na Aliança Francesa.

Do lado francês, quem levou o troféu 2019 foi a startup Mirakl. Trata-se de uma plataforma de marketplace que possibilita que qualquer varejista ou marca acelere o comércio eletrônico, oferecendo produtos e serviços de terceiros com seu próprio mercado online.

A startup francesa ganhou passagem de ida e volta para São Paulo e 1 mês de incubação na Investe São Paulo.

CCIFB comemora 119 anos de presença francesa no Brasil

A CCIFB é a câmara bilateral mais antiga do Brasil e reúne mais de 800 associados, entre empresas francesas e brasileiras. 

Sua principal missão é promover a relação entre o Brasil e a França. Desse modo, a CCIFB promove o desenvolvimento das relações econômicas, financeiras, comerciais, industriais, científicas e culturais entre os dois países.

Para conferir os principais aprendizados do Innovation & Tech Day acesse o resumo exclusivo clicando aqui ou através da aba do site chamada “Publicações”.  

^