São Paulo Parceiros  •  Setores & Mercados

Uma estratégia para crescer com mais parceiros

Após mais de 20 anos no Brasil, atuando em parceria com exclusividade com a Caixa Econômica Federal, a seguradora francesa CNP Assurances diversifica seu modelo de distribuição de produtos interessada no dinamismo e potencial do mercado brasileiro

 

Terceira maior companhia de seguros no país, o Grupo CNP Assurances anunciou neste segundo semestre de 2022 uma nova estratégia para acelerar seu desenvolvimento, até então baseado totalmente em uma parceria de exclusividade com a Caixa Econômica Federal. Na nova diretriz, a companhia, que está presente no Brasil desde 2001, passa a adotar uma multiparceria baseada em dois modelos de distribuição de produtos.

O primeiro modelo é formado por uma parceria de distribuição exclusiva com a Caixa Econômica Federal em duas novas empresas da instituição. Uma é a Caixa Consórcio, com atividades de consórcio, e a segunda, a Caixa Vida e Previdência, com os produtos de previdência individual e coletiva, consumo tomador de empréstimos e seguros de riscos pessoais. Esses acordos têm duração prevista até 2041 e 2046, respectivamente.

No segundo modelo de distribuição da nova estratégia, a operação inova por ser realizada com novo sócios. Essa estratégia foi iniciada com a aquisição de 100% das ações da Caixa Seguridade e Icatu na CNP Seguros Participações, Previsul, Odonto, CNP Consórcios e CNP Capitalização.

Trata-se de uma mudança estratégica representativa considerando que, desde o início de suas atividades no país, em 2001, a companhia atuou e cresceu por meio de uma empresa comum, uma joint venture, estabelecida com a Caixa Econômica para distribuir produtos de seguro dentro do balcão da instituição financeira.

A decisão de ampliar as atividades e partir para multiparcerias foi decorrente da disposição da CNP aumentar sua participação no mercado enquanto o foco da Caixa Econômica está hoje concentrado no potencial de suas vendas dentro de suas próprias unidades. “Com essa clareza estratégica da Caixa, chegamos a um acordo em que adquirimos parte dos ativos não-estratégicos pro banco”, relata Asma Baccar, CEO da CNP Seguros Holding Brasil e diretora da unidade de negócios da América Latina.

“Hoje, olhando para o dinamismo e o potencial da atividade do mercado brasileiro, temos total interesse em investir e aproveitar dessa dinâmica para construir e implementar novas parcerias no Brasil”, diz Asma Baccar. Segundo ela, os novos ativos servirão para a companhia dispor de uma base para iniciar sua agenda de processos e habilitações junto à Susep e ao Banco Central para atuar com prontidão no mercado brasileiro fora do balcão Caixa. “De um lado vamos trabalhar com a Caixa, que é muito importante, estratégico e uma prioridade como relacionamento. E do outro lado vamos ter uma nova agenda de investimento fora do antigo balcão com os ativos recém-adquiridos”, afirma.