21º Prêmio Personalidade da Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB-RJ) homenageia Nísia Trindade Lima, presidente da Fiocruz

Evento destacou a cooperação na saúde em prol da sustentabilidade

 

A Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB-RJ) homenageou Nísia Trindade Lima, presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), na 21ª edição do Prêmio Personalidade, em cerimônia digital realizada nesta quarta-feira (15/12). Tendo como pano de fundo a histórica cooperação entre França e Brasil na saúde, a homenagem ressaltou as contribuições e liderança de Nísia à frente da instituição, em especial ao longo da crise de Covid-19, e a relevância da mobilização coletiva para ações solidárias, que salvaram vidas e potencializaram a Fiocruz no enfrentamento da pandemia em todas as suas dimensões.

A noite foi marcada por depoimentos e mensagens de representantes da rede França-Brasil e instituições, além de uma entrevista com a laureada, tendo como pauta principal a cooperação em saúde, ciência, tecnologia e inovação como vetor de desenvolvimento sustentável.

A cerimônia culminou com a entrega do Prêmio Personalidade 2021 por parte do presidente da CCIFB, Patrick Sabatier. Emocionada ao receber a premiação, Nísia reiterou a força da colaboração entre os dois países e destacou a importância do trabalho coletivo realizado na Fiocruz, assim como a parceria com instituições de saúde, sociedade civil e empresas, para responder aos impactos da pandemia:

“Se não fosse esse trabalho coletivo não conseguiríamos somar toda a nossa capacidade, energia e história em prol da saúde e da resposta a uma das mais graves crises sanitárias da história da humanidade. Uma crise que não é só sanitária, é também econômica, social e humanitária.”

Ao lamentar as duras perdas em decorrência da Covid-19, a socióloga e pesquisadora ponderou os pilares que ficarão para o enfrentamento de emergências sanitárias no futuro – ciência, tecnologia e inovação e sistemas de saúde, a exemplo do SUS – e ressaltou a necessidade de uma agenda global de cooperação para ações conjuntas que reduzam a desigualdade nesse contexto.

“Sem maior equidade social no acesso à ciência, tecnologia e saúde, não teremos condições de enfrentar os problemas atuais da Covid-19 ou possíveis emergências sanitárias futuras. Em nome da importante cooperação com instituições francesas, a exemplo da Câmara de Comércio França-Brasil, reitero aqui o compromisso de dar continuidade a uma agenda comum para endereçar esses desafios”, declarou.

 

Uma homenagem emblemática dos laços França-Brasil

Para o presidente da Câmara de Comércio França-Brasil, Patrick Sabatier, a cooperação França-Brasil e a sua história são muito bem simbolizadas na homenagem a Nísia e sua trajetória à frente da Fiocruz, que fortalece laços de colaboração com instituições científicas francesas, a exemplo do Instituto Pasteur, mas também com o setor produtivo.

“Nísia Trindade Lima personifica a inovação, a tradição e os valores de nossa cooperação bilateral, com uma gestão que se destaca através de compromissos e exigências ambientais, sociais e de governança. Desde 2017 à frente de uma instituição científica de renome internacional, ela personifica ainda a certeza de que o mundo precisa da ciência, e que a ciência precisa de mulheres”, afirmou Patrick.

Ele também ressaltou que investimentos em saúde e ciência são fundamentais para o desenvolvimento sustentável, especialmente no contexto de oportunidades que dão ao Brasil a possibilidade de exercer um protagonismo em nível mundial – como é o caso da bioeconomia, setor no qual saúde, sociedade, meio ambiente e economia caminham em sinergia.

Em depoimento compartilhado durante o evento, a embaixadora da França no Brasil, Brigitte Collet, relembrou qualidades e realizações de Nísia que culminaram em outro reconhecimento emblemático da comunidade francesa. Em setembro deste ano, a homenageada do Prêmio Personalidade foi condecorada pela Embaixadora com o grau de Cavaleiro da Ordem Nacional da Legião da Honra, a mais alta distinção da França. “Nosso intuito foi também agradecer uma parceria extraordinária, que ampliou a colaboração entre Fiocruz e França, e com quem compartilhamos o conceito inovador de ‘uma só saúde’, associando a situação ambiental e a saúde da humanidade”, declarou.

 

Diversidade e mulheres na ciência

Ao longo da conversa conduzida pela jornalista Viviane Moura durante o evento, o tema da diversidade de gênero também foi destacado. Enquanto primeira mulher à frente da Fiocruz em 121 anos, Nísia ponderou que, apesar dos avanços da participação de mulheres cientistas nas equipes e à frente dos laboratórios, elas compõem apenas um terço dos conselhos deliberativos da entidade. “Mais do que feliz em inspirar mudanças, me sinto responsável. Ainda há muito o que vencer em termos de governança e reconhecimento para que, de fato, muitas barreiras sejam superadas. Para isso é preciso ter políticas públicas mas também privadas em prol da equidade de gênero, via empresas como as que integram a CCIFB”, afirmou Nísia.

 

Mobilização da rede CCIFB

A Câmara de Comércio França-Brasil agradece a todos os membros e parceiros que se engajaram no apoio à realização do Prêmio Personalidade França-Brasil 2021: Med-Rio Check up, Michelin, Sanofi Pasteur e Servier, patrocinadores Ouro.

EDF Norte Fluminense, ENGIE Brasil, Crédit Agricole, L’Oréal Brasil, Pierre Fabre, Safran, TotalEnergies e Voltalia, patrocinadores Prata, além do Museu do Amanhã, apoiador do evento.

 

Quer assistir ou rever a cerimônia digital do Prêmio Personalidade da Câmara de Comércio França-Brasil 2021 (CCIFB-RJ)? clique aqui. 

^