A estratégia Omnichannel em cinco passos

O Omnichannel é capaz de aumentar as vendas em 241%, segundo artigo publicado pela revista Forbes. Trata-se de estabelecer uma estratégia de vendas baseada na procura online do cliente, oferecendo soluções em diversos canais para atender a essa necessidade manifestada.

Para tratar desse assunto, a especialista Ana Paula Ramos, da Enkantha, foi a convidada da Comissão de Educação Superior da Câmara de Comércio Internacional França-Brasil de São Paulo (CCIFB-SP) no dia 12 de março. A última reunião do grupo ocorreu no dia 19 de novembro de 2019 e tratou sobre o futuro das empresas com a 4ª. Revolução Industrial.

Segundo Ana Paula, as pessoas costumam comprar nos mais inusitados locais e pelos mais diferentes motivos. Em uma pesquisa entre norte-americanos, 43% disseram comprar na cama, 23% no escritório e 20% no banheiro. Entre os centennials, por exemplo, a reputação da marca vale bem menos do que a rapidez no processo de compra. Confira os quatro passos que a especialista recomenda ao se adotar o Omnichannel.

Passo 1: Compromissos das lideranças

A especialista Ana Paula recomenda que qualquer trabalho para implantar o Omnichannel deve começar com uma alta gestão totalmente comprometida com a iniciativa. Isso significa desde a alocação de recursos até a avaliação das lideranças.

Passo 2: Conhecer os clientes

Segundo Ana Paula, personas são boas táticas de marketing digital, mas não substituem uma eficaz pesquisa Focus Group. O processo é chave para identificar hábitos de consumo, possíveis canais de vendas e obter insights.

Passo 3: Canais, Produtos e Serviços

A primeira pergunta é se o produto ou serviço exige demonstração ou é capaz de se vender sozinho. A partir daí, examinam-se as complexidades de comercialização, os indicadores a serem adotados, margem de lucro e as questões legais e fiscais.

Passo 4: Convergência entre canais

Para Ana Paula, deve-se atentar à questão de construir novas políticas comerciais, de modo a evitar o efeito “Quem mexeu no meu queijo?”. Essas normativas devem contemplar tantos os públicos internos (colaboradores) quanto os externos (clientes).

Passo 5: Agora, sim, o Planejamento

Chega, então, o momento de decidir se a estratégia Omnichannel será posta em prática. Em caso positivo, a melhor alternativa é criar um projeto piloto. A partir dele, deve ser feita uma avaliação, eventuais correções, e, por fim, o programa de lançamento.

^