Air Liquide fornece oxigênio para hospitais de campanha para tratamento da COVID-19 no Brasil

O isolamento social devido à propagação do COVID-19 (coronavírus) afetou as finanças de diversos setores do mundo inteiro. 

Devido à pandemia, muitas empresas de produtos e serviços viram-se obrigadas a fechar suas portas ou interromperem suas atividades por tempo indeterminado.

Com a economia do Brasil e do restante do mundo prejudicada; e com o intuito de tratar e combater a doença, que se alastra a cada dia, muitas empresas, como a francesa Air Liquide, solidarizam-se com a causa e adaptam seus serviços para fornecer suprimentos médicos e itens de proteção para entidades de saúde.

COVID-19 no Brasil

De acordo com dados divulgados no último dia 06 de maio pelo Ministério da Saúde, o Brasil possui 125.218 casos de coronavírus confirmados e 8.536 óbitos.

Com uma taxa de letalidade de 6,8%, o país possui a pior taxa de letalidade por COVID-19 da América do Sul. Os dados são de um estudo realizado pelo Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde (NOIS). O núcleo consiste em um grupo de pesquisa formado por cientistas da PUC-Rio, do InCor, da Fiocruz, da Faculdade de Medicina da USP e do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, entre outras instituições.

No que diz respeito ao número de casos confirmados por região, a região sudeste é a que apresenta a maior quantidade. 

Até o dia 06 de maio, Secretarias de Saúde divulgaram que a região possuía 57.321 casos confirmados. Desses, São Paulo e Rio de Janeiro os estados mais afetados pela crise: 37.853 casos confirmados e 3.045 óbitos no estado paulista; 13.295 confirmações e 1.205 óbitos no Rio de Janeiro.

Air Liquide, empresa francesa do segmento de gases industriais, fornece oxigênio medicinal para hospitais brasileiros de campanha durante pandemia

Com o compromisso de auxiliar no combate do COVID-19, a Air Liquide Brasil, empresa pertencente ao Grupo Air Liquide, líder mundial em gases, tecnologias e serviços para indústria e saúde, mobilizou suas equipes para providenciar o fornecimento de oxigênio medicinal à hospitais de campanha que estão sendo criados em estádios e centros de convenções nas principais cidades brasileiras. 

Fundada em 1902 em Paris, a empresa já está presente em 80 países e conta com 67 mil funcionários. Além disso, está listada na bolsa de valores Euronext Paris (compartimento A) e pertence aos índices CAC 40, EURO STOXX 50 e FTSE4Good.

A empresa também faz parte do renomado grupo que compõem o portfólio de associados da Câmara de Comércio França-Brasil (CCIFB)

Ao todo, já são cinco hospitais que recebem o gás medicinal em um intervalo entre 3 a 4 dias. Entre eles, as unidades montadas no Estádio do Pacaembu e no Anhembi, ambos localizados em São Paulo, e a Fiocruz, no Rio de Janeiro. 

Os locais escolhidos para instalar os hospitais de campanha foram estrategicamente selecionados para atender as áreas que concentram maior número de casos confirmados, levando em consideração que a quantidade de pessoas infectadas com o vírus aumenta diariamente no país.

Em nota oficial publicada no site da empresa, a Air Liquide afirma que o suprimento será utilizado para avaliar e tratar, aproximadamente, 2.800 pacientes afetados pelo novo coronavírus.

Desde o surto da pandemia do COVID-19 no Brasil, a empresa já auxiliou esses hospitais de campanhas através da construção e da montagem das redes de distribuição de pacientes, de modo a evitar a sobrecarga do sistema de saúde; através do fornecimento do tanque para o armazenamento de oxigênio medicinal; e no envio de carretas de oxigênio medicinal em estado líquido ou gasoso para o abastecimento de cilindros.

Air Liquide se orgulha em poder contribuir com o sistema de saúde na luta contra o COVID-19

Presente no país desde 1975, a Air Liquide Brasil é uma das maiores empresas de gases, tecnologias e serviços para a área industrial e medicinal do país. 

Hoje, empresa possui mais de 1.200 funcionários distribuídos em mais de 71 localidades que atendem cerca de 80% de todo o território nacional.

A empresa francesa atua no país como uma importante produtora industrial e parceira na área da saúde. 

Todas as equipes internas da Air Liquide possuem o compromisso de garantir o fornecimento o fornecimento seguro e confiável de oxigênio medicinal aos pacientes. 

Além do fornecimento de oxigênio medicinal, a Air Liquide apoiará também médicos e pacientes por meio do fornecimento de equipamentos, como ventiladores e assistência médica do Air Liquide Healthcare.

A Air Liquide Healthcare conta com uma gama completa de soluções para o cuidado continuado em hospitais, clínicas, laboratórios e para o tratamento domiciliar. Com mais de 100 anos de experiência e há mais de 70 anos no Brasil, o grupo de cuidados de saúde já atendeu mais de 7.500 hospitais e mais de 1.5 milhão de pacientes.

CCIFB parabeniza Air Liquide pela causa e relembra que parceria entre empresas francesas e Brasileiras é de longa data

Comemorando uma bem-sucedida trajetória de 120 anos, a Câmara de Comércio França-Brasil é a mais antiga câmara de comércio bilateral em atuação no Brasil e a maior câmara francesa da América Latina.

Seu duradouro e reconhecido trabalho ao longo dos anos faz com que a CCIFB atue como interlocutora de diversos órgãos no mundo dos negócios e seja parceira de diversas câmaras regionais pelo mundo. 

Adicionalmente, faz parte do Conselho das Câmaras de Comércio da União Europeia (Eurocâmaras de São Paulo), para uma ação coesa e positiva do empresariado no Brasil.

Com mais de 770 associados, as quatro unidades regionais da CCIFB (CCIFB-SP, CCIFB-RJ,CCIFB-MG e CCIFB-PR) formam uma ampla rede de atuação, estimulando o desenvolvimento das relações econômicas, financeiras, comerciais, industriais, científicas e culturais entre Brasil e França.

Essa relação bilateral é realizada através da integração de empresas em um ambiente único, por meio de eventos com lideranças empresariais e governamentais; e da disseminação de rico conteúdo, com ampla gama de serviços e benefícios para satisfazer necessidades empresariais.

A Câmara francesa parabeniza a iniciativa solidária da Air Liquide, além de incentivar empresas francesas, brasileiras e de demais nacionalidades a  unirem-se à entidades de saúdes e demais entidades que desejem contribuir para o combate e tratamento do COVID-19. 

Além disso, a CCIFB orgulha-se em relembrar  a parceria de longa data  entre a França e o Brasil e que mesmo com a crise do coronavírus, empresas francesas não devem deixar o país.  

^