Minas Gerais recebe R$ 11 bilhões de investimentos franceses

O estado de Minas Gerais apresenta índices invejáveis no combate à pandemia de Covid-19. Se o mesmo número fosse aplicado ao Brasil como um todo, 75 mil vidas teriam sido poupadas. As notas dos alunos mineiros do Ensino Médio passaram a estar entre as maiores do Minas Gerais recebe R$ 11 bilhões de investimentos franceses

País e nada menos do que R$ 88 bilhões foram assinados como protocolos de intenção de investimentos nos últimos dois anos.

 

A performance foi relatada pelo governador de Minas Gerais, Romeu Zema, em live promovida pela Câmara de Comércio França-Brasil de São Paulo (CCIFB-SP) no dia 26 de janeiro. O último encontro desse tipo tinha sido realizado no dia 27 de novembro de 2020 com o embaixador Sérgio Amaral.

 

Do montante de investimentos protocolados, os relacionados a empresas com capital francês, na totalidade ou em parte, somam R$ 11 bilhões. Para ampliar ainda mais as chances de aplicação de capital no mercado mineiro, o governo local prepara um book com as diversas oportunidades em agroindústria, infraestrutura, mineração e parque turístico.

 

Mesmo sabendo que a simplificação dos tributos poderia fazer somar outros R$ 11 bilhões de investimentos franceses em seu estado, Zema acredita que a reforma mais urgente do Brasil é a administrativa. Segundo o governador, essa é a única maneira de fazer a estrutura estatal passar a consumir menos recursos da sociedade, o fator principal que impacta a crescente tributação brasileira.

^