Total testa sistema inovador de transferência de petróleo no Brasil

Utilização de navio do tipo CTV permitirá redução de emissões e custos de afretamento, e com segurança vai otimizar a logística de comercialização da produção de petróleo offshore

A Total está testando um sistema inovador para a realização de operações de transferência de petróleo (offloading) com o uso de uma embarcação do tipo CTV (Cargo Transfer Vessel), o navio Sealoader-1, que foi construído especificamente para essa atividade. O projeto está em fase de testes operacionais que iniciaram este mês no Campo de Lapa (pré-sal da Bacia de Santos), o primeiro ativo em produção operado pela Total no Brasil. O objetivo é analisar a integração e a funcionalidade do CTV nas operações de transferência de petróleo a partir do FPSO Cidade de Caraguatatuba.

O conceito operacional do CTV está na vanguarda das operações de transferência de petróleo offshore. Na nova forma de offloading que está sendo testada pela Total no Campo de Lapa, toda operação é realizada na locação do campo: o petróleo é transferido do FPSO através do CTV para o navio-tanque que leva a carga até o seu destino final. Enquanto na operação convencional com uso de navio do tipo DPST (Dynamic Positioning Shuttle Tanker), atualmente uma das mais usadas pelas empresas de E&P no Brasil, o petróleo é transferido do FPSO para o DPST, na locação do campo, e depois é realizada uma operação de transbordo (ship-to-ship), para, então, transferir o petróleo para o navio-tanque.

Dessa forma, sendo bem-sucedida em todas as suas fases de testes, a operação com o CTV eliminará a necessidade de uma jornada completa de navio-tanque na logística de exportação de petróleo bruto, trazendo importantes vantagens como: minimizar riscos de uma operação de carga/descarga, evitar emissões de uma viagem de navio-tanque com duração média de 7 dias, reduzir custos de afretamento de embarcações e diminuir o tempo de comercialização
da produção.

“A Total é pioneira na avaliação do uso do CTV para transferência de petróleo no Brasil, sendo a primeira vez que a embarcação é utilizada para realizar este tipo de operação no País. Este é um projeto multidisciplinar, que envolveu nossos times de especialistas de Logística, Comercial e Operações, no Brasil e no exterior, além de empresas parceiras, num trabalho conjunto desenvolvido desde 2015, para estudar os aspectos técnicos e planejar os testes de
forma segura. O início da fase de testes em Lapa é um importante marco e estamos confiantes  no sucesso dessa operação”, afirma Philippe Blanchard, Diretor-Geral da Total E&P do Brasil e representante do Grupo Total no País.

Este é o segundo estágio de testes do CTV. Essa etapa contempla, dentre diferentes atividades, testes de campo, testes do sistema de telemetria e simulações de emergências. O CTV foi construído na China e aprovado nos testes de mar, concluídos em julho de 2018.

Os testes programados seguem a regulamentação brasileira vigente e protocolos
internacionais de segurança, que é um dos pilares das atividades de E&P da Total em todo mundo. O planejamento deste projeto também proporciona sustentabilidade operacional ao promover uma redução das emissões de CO2. A tecnologia presente também é uma aliada para a segurança e a sustentabilidade da operação: a bateria do CTV permite controle de emissões e redução do consumo de energia.
* * * *

Sobre a Total no Brasil
A Total está presente no Brasil há mais de 40 anos, empregando mais de 3.000 profissionais comprometidos com uma energia melhor. Suas seis subsidiárias atuam no país nos setores de exploração e produção de petróleo, gás, distribuição de combustíveis e lubrificantes, química, armazenamento de energia e energias renováveis (solar e eólica). Saiba mais em www.br.total.com

Sobre a Total
A Total é uma companhia líder de energia, que produz e comercializa combustíveis, gás natural e eletricidade com baixa emissão de carbono. Nossos 100.000 funcionários estão comprometidos com uma energia melhor, mais segura, mais limpa e acessível ao maior número de pessoas possível. Atuando em mais de 130 países, a nossa ambição é nos tornarmos a maior empresa de energia responsável. Saiba mais em www.total.com

 

(Foto: Total)

^